Rogério Assis (E11-T02)

Resenha

Transcrição

Rogério Assis começou sua carreira em 1989 sendo o primeiro fotógrafo a ter acesso à tribo Zo’é, em projeto para o Museu Emílio Goeldi. O resultado desse trabalho fez com que a vida de Assis tomasse um rumo ainda mais diferente dos índios dos retratos: enquanto eles ainda vivem isolados no interior da Amazônia, o fotógrafo se abriu para o mundo.

Nos anos seguintes, ele trabalhou como correspondente da Folha de S. Paulo em Nova Iorque, foi editor de fotografia para a América Latina da Starmedia Network e participou de exposições no Brasil e em diversos países, como EUA, Cuba e Alemanha. Vinte anos depois, ele voltou para a tribo do começo da carreira, onde registrou mais uma vez o cotidiano dos índios para lançar seu livro Zo’é.

Comentários